Tecnologia aliada ao campo: AgroPonte traz facilidades ao agricultor

Máquinas e equipamentos expostos na feira oferecem mais agilidade e qualidade para o trabalho rural

Quanto trabalho é necessário para plantar duas mil mudas? Com a transplantadeira de hortaliças o agricultor vê reduzir consideravelmente o tempo e o esforço para que a sua atividade seja executada. A máquina é uma das novidades em tecnologia que a AgroPonte 2019 traz e que facilita a vida do homem do campo.

“Ela tem regulagem de altura, então o agricultor escolhe se ele quer plantar com cinco centímetros ou sete centímetros na terra, por exemplo. Tem, também, regulagem de distância de uma muda para a outra, se ele programar para plantar a cada 22 centímetros, ela vai seguir esse roteiro”, explica João Batista, representante da Olim Agro, uma das empresas expositoras da AgroPonte.

A transplantadeira de hortaliças é uma inovação fabricada no Japão e que começa a ser apresentada aos agricultores, mas em 2018 já venceu o Prêmio Gerdau Melhores da Terra na categoria Agricultura Familiar. Com ela é possível plantar até duas mil mudas em apenas uma hora, porém a economia de tempo não é o único benefício do equipamento.

“O agricultor também ganha muito em ergonomia, porque na plantação manual ele precisa se agachar, já com a máquina ele fica em pé, ao lado, apenas repondo as mudas para que a transplantadeira faça o serviço”, comenta Batista.

Agilidade na extração de leite

Outra tecnologia presente na 9ª AgroPonte é a ordenhadeira mecanizada, um conjunto de extração de leite que proporciona mais agilidade ao produtor. Com o equipamento é possível ordenhar até oito vacas ao mesmo tempo, com um tempo de extração de aproximadamente 45 minutos. De forma manual, o ordenhador levaria em média três horas para realizar a mesma atividade.

“É possível controlar a medição do leite, a temperatura, o tempo. Também dá para saber se o animal está com mamite ou mastite, aliás, diminui muito a incidência desse tipo de problema, porque a mecanização padroniza a ordenha, promovendo um maior bem-estar animal, além de ser uma grande comodidade ao produtor”, afirma Robison Daniel, representante da Plantarmaq, expositora que trouxe o equipamento para a feira.

Programação segue até domingo

A 9ª AgroPonte – Feira do Agronegócio & Agricultura Familiar segue até domingo (18), no Pavilhão de Exposições José Ijair Conti, em Criciúma. A programação também conta com a 7ª Feira Exposição Estadual de Animais, 4ª Feira Bovinos Comerciais Venda Direta e 2ª Exposição Oficial Cavalos Crioulos.

Nesta sexta-feira (16), a partir das 14h30min, começam os julgamentos de animais, iniciando pela Raça Britânica Angus, seguida da Raça Zebuína Brahman. O julgador é o especialista no assunto, doutor Roberto Vilhena. No sábado (17), às 10h30min, começa o julgamento dos equinos da Raça Crioula.

O horário de visitação na sexta-feira é das 14h às 22h, já no sábado é das 10h às 22h e no domingo, último dia, das 10h às 18h.